Facebook
Twitter
Soundcloud
You Tube
  Siga-nos!
Ícone E-mail
Ícone E-mail
Ícone Telefones Úteis
Ícone Ouvidoria
Ícone Webmail
Segunda-Feira, 24 de Julho de 2017
Imagem de Acerto
Brazão de Eldorado
Prefeitura da Estância Turística de Eldorado
Brazão de Eldorado

Importação de bananas do Equador ameaça a bananicultura do Vale do Ribeira e do país

Compartilhe

A Associação dos Bananicultores do Vale do Ribeira e a Prefeitura Municipal da Estância Turística de Eldorado convidam os Bananicultores da região para esclarecimentos sobre as IMPORTAÇÕES DE BANANAS DO EQUADOR, os riscos para a economia e a produção de banana em nosso Município.

A reunião será na próxima sexta-feira, dia 11 de abril, no auditório da Aldeia Cultural de Eldorado, à partir das 19 horas

 

ENTENDA O CASO 

    Este assunto já chegou ao Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento e a análise de risco das pragas da banana do Equador já está pronta. O próximo passo é definir o regulamento que norteará o processo de importação. 
    As empresas BANESA E DELMONTE, monopolizam a produção e comércio deste país. Em virtude da grave crise européia e americana, não consegue exportar para estas regiões. 
    Segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego, geram aproximadamente 500 mil empregos direitos e 2 milhões indiretos, aliás, proporcionalmente é uma das culturas que mais empregam, pois dependo da região, está permite a mecanização de parte de sua produção. Em algumas regiões do Brasil é a única atividade econômica que move mercados locais e regionais. 
    Em face da alta tecnologia aplicada pelas grandes empresas no Equador, fruto do grande investimento dos governos americanos e europeus, num passado recente, o bananicultor do nosso país não consegue competir com estas grandes empresas, pois naquele país, há incentivos, não há carga tributária e no nosso Brasil os custos são altos e aqui não há investimento dos governos para desenvolver este setor agrícola, bem como há grande risco de pragas existentes naquele país que por aqui ainda não existe. 
Isto posto, permitir a importação de bananas do Equador é contribuir para a exterminar a bananicultura nacional, pois é desleal a concorrência entre estes países neste setor. 
    Assim sendo, é necessário aumentar o bolsa família e outras bolsas para alimentar mais 2 milhões de trabalhadores em nosso país, aumentando mais ainda o último êxodo rural, inflando as cidades, sem nenhuma infraestrutura para absorvê-los e incluí-los no mercado. 
    Aqui no Vale do Ribeira, que compõe 23 cidades, na sua grande maioria, a bananicultura é a principal atividade econômica destes municípios, gerando rendas e riquezas para toda a população. Estima-se que a bananicultura gera diretamente e indiretamente aproximadamente 80.000 empregos nesta região. 

Atualmente, a área ocupada pela bananicultura no Vale do Ribeira e Litoral Sul, segundo dados oficiais da LUPA (LEVANTAMENTO CENSITÁRIO DAS UNIDADES DE PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA DO ESTADO DE SÃO PAULO - LUPA 2007/2008) é de 36.099,3 hectares, localizadas estas em pequenas propriedades, ou seja, em até 10 hectares, atividade esta da agricultura familiar. 

Deixe um Comentário

Tamanho da fonte: Imprimir:

DESTAQUES:

RECEBA:

Cadastre seu e-mail e receba nossas notícias, informações e novidades.

FIQUE DE OLHO:

Sobre nós
A Estância Turística de Eldorado é o 4º maior município paulista, com mais 70% da sua área coberta por Mata Atlântica intacta, em excelente estado de conservação.

O município fez parte do primeiro ciclo do ouro do país, no início do século XVII, ainda com o antigo nome de Xiririca (palavra indígena que significa águas correntes). Tornou-se município em 10 de março de 1842. Continue lendo.
Receba
Cadastre seu e-mail e receba nossas notícias, informações e novidades.

Contato por e-mail

Contatos
 Praça Nossa Senhora da Guia, 348
Centro - CEP 11960-000 Eldorado/SP
 Telefone: (13) 3871-6100
© 2017 Eldorado. Todos os direitos reservados.  |  Política de Privacidade  |  Desenvolvimento: Inside Internet
Curta aqui a nossa página:     
 

curtidas

    

tweets